Pesquisar este blog

sábado, 31 de outubro de 2009

EVANGELHO QUOTIDIANO - Sabado, dia 31 de Outubro de 2009


Senhor, a quem iremos? Tu tens palavras de vida eterna. João 6, 68


Sabado, dia 31 de Outubro de 2009

Sábado da 30ª semana do Tempo Comum


Imaculado Coração de Maria, solenidade em Angola
Hoje a Igreja celebra : Santo Afonso Rodrigues, viuvo, religioso, +1617

Ver comentário em baixo, ou carregando aqui
São Francisco de Sales : «O que se humilha será exaltado»


Carta aos Romanos 11,1-2.11-12.25-29.

Pergunto então: terá Deus rejeitado o seu povo? De maneira nenhuma! Pois também eu sou israelita, da descendência de Abraão, da tribo de Benjamim. Deus não rejeitou o seu povo, que de antemão escolheu. Não sabeis, porventura, o que diz a Escritura na passagem onde Elias apresenta a Deus esta queixa contra Israel: Agora eu pergunto: terão eles tropeçado só para cair? De modo nenhum! Pelo contrário, foi devido à sua queda que a salvação chegou aos gentios, e isso aconteceu para que Israel sentisse ciúme deles. Ora, se a sua queda reverteu em riqueza para o mundo e a sua perda em riqueza para os gentios, quanto mais não será na plenitude da sua conversão! Eu não quero, irmãos, que ignoreis este mistério, para que vos não julgueis sábios: deu-se o endurecimento de uma parte de Israel, até que a totalidade dos gentios tenha entrado. E é assim que todo o Israel será salvo, de acordo com o que está escrito: Virá de Sião o libertador, que afastará as impiedades do meio de Jacob. Esta é a aliança que Eu farei com eles, quando lhes tiver tirado os seus pecados. No que diz respeito ao Evangelho, eles são inimigos, para proveito vosso; mas em relação à eleição, são amados, devido aos seus antepassados. É que os dons e o chamamento de Deus são irrevogáveis.


Evangelho segundo S. Lucas 14,1.7-11.

Tendo entrado, a um sábado, em casa de um dos principais fariseus para comer uma refeição, todos o observavam. Observando como os convidados escolhiam os primeiros lugares, disse-lhes esta parábola: «Quando fores convidado para um banquete, não ocupes o primeiro lugar; não suceda que tenha sido convidado alguém mais digno do que tu, venha o que vos convidou, a ti e ao outro, e te diga: 'Cede o teu lugar a este.' Ficarias envergonhado e passarias a ocupar o último lugar. Mas, quando fores convidado, senta-te no último lugar; e assim, quando vier o que te convidou, há-de dizer-te: 'Amigo, vem mais para cima.' Então, isto será uma honra para ti, aos olhos de todos os que estiverem contigo à mesa. Porque todo aquele que se exalta será humilhado, e o que se humilha será exaltado.»


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por :

São Francisco de Sales (1567-1622), Bispo de Genebra e Doutor da Igreja
Entretien 5 (a partir de Desjardins, Le Livre des quatre amours, Desclée 1964, p. 142 rev.)

«O que se humilha será exaltado»


A humildade não consiste apenas em desconfiarmos de nós mesmos, mas também em confiarmos em Deus; a desconfiança de nós e das nossas próprias forças produz a confiança em Deus, e desta confiança nasce a generosidade de espírito. Nossa Senhora, a Santíssima Virgem, deu-nos um exemplo notável disto quando pronunciou estas palavras: «Eis aqui a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra» (Lc 1, 38). Quando diz que é a serva do Senhor, ela demonstra uma enorme humildade, tanto mais que opõe aos louvores que o anjo lhe dirige: que será Mãe de Deus, que a criança que sair do seu ventre será chamada de Filho do Altíssimo, uma dignidade maior do que se poderia imaginar; ela opõe, como eu dizia, a todos estes louvores e grandezas a sua baixeza e a sua indignidade, afirmando que é a serva do Senhor. Mas reparai que, após ter prestado tributo à humildade, tem de imediato uma atitude de enorme generosidade ao dizer: «Faça-se em mim segundo a tua palavra».

É certo, queria ela dizer, que não sou de modo nenhum capaz desta graça, tendo em consideração o que eu própria sou; mas na medida em que aquilo que é bom em mim pertence a Deus e em que aquilo que me dizes é a Sua santa vontade, creio que isso pode fazer-se e se fará; e, sem a mínima hesitação, diz: «Faça-se em mim segundo a tua palavra».

Nenhum comentário:

Postagens populares