Pesquisar este blog

Instagram

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

EVANGELHO QUOTIDIANO - Sexta-feira, dia 16 de Outubro de 2009


Senhor, a quem iremos? Tu tens palavras de vida eterna. João 6, 68


Sexta-feira, dia 16 de Outubro de 2009

Sexta-feira da 28ª semana do Tempo Comum


Hoje a Igreja celebra : Santa Margarida Maria Alacoque, religiosa, +1690, Santa Edviges, viúva, +1243

Ver comentário em baixo, ou carregando aqui
Jean-Pierre de Caussade : «Até os cabelos da vossa cabeça estão contados. Não temais»


Carta aos Romanos 4,1-8.

Que havemos de dizer de Abraão, nosso antepassado segundo a carne? Que obteve ele afinal? É que, se Abraão foi justificado por causa das obras, tem um motivo para se poder gloriar, mas não diante de Deus. Que diz, de facto, a Escritura? Que Abraão acreditou em Deus e isso foi-lhe atribuído à conta de justiça. Ora bem, àquele que realiza obras, o salário não lhe é atribuído como oferta, mas como dívida. Aquele, porém, que não realiza qualquer obra, mas acredita naquele que justifica o ímpio, a esse a sua fé é-lhe atribuída como justiça. Aliás é assim que David celebra a felicidade do homem a quem Deus atribui a justiça independentemente das obras: Felizes aqueles a quem foram perdoados os delitos e a quem foram cobertos os pecados! Feliz o homem a quem o Senhor não tem em conta o pecado!


Evangelho segundo S. Lucas 12,1-7.

Entretanto, a multidão tinha-se reunido; eram milhares, a ponto de se pisarem uns aos outros. Jesus começou a dizer primeiramente aos seus discípulos: «Acautelai-vos do fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. Nada há encoberto que não venha a descobrir-se, nem oculto que não venha a conhecer-se. Porque tudo quanto tiverdes dito nas trevas há-de ouvir-se em plena luz, e o que tiverdes dito ao ouvido, em lugares retirados, será proclamado sobre os terraços. Digo-vos a vós, meus amigos: Não temais os que matam o corpo e, depois, nada mais podem fazer. Vou mostrar-vos a quem deveis temer: temei aquele que, depois de matar, tem o poder de lançar na Geena. Sim, Eu vo-lo digo, a esse é que deveis temer. Não se vendem cinco pássaros por duas pequeninas moedas? Contudo, nenhum deles passa despercebido diante de Deus. Mais ainda, até os cabelos da vossa cabeça estão contados. Não temais: valeis mais do que muitos pássaros.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por :

Jean-Pierre de Caussade (1675-1751), jesuíta
O Abandono à Divina Providência (a partir da trad. DDB 1966, p. 138)

«Até os cabelos da vossa cabeça estão contados. Não temais»


Quando somos conduzidos por um guia que nos leva a um país desconhecido, de noite, através dos campos, sem caminho traçado, segundo a sua vontade, sem pedir a opinião de ninguém e sem querer revelar as suas intenções, poderemos tomar outro partido que não o do abandono ? De que serve olhar para onde estamos, interrogar os que passam, consultar o mapa e os viajantes? O intento [...] de um guia que quer que confiemos nele será o oposto de tudo isso; ele terá prazer em confundir a inquietação e a desconfiança de uma alma; ele deseja uma inteira confiança em si. [...]

A acção divina é essencialmente boa, ela não deseja ser reforçada nem controlada. Começou desde a criação do mundo e, a partir desse momento, desenvolve novas provas; não limita as suas operações, a sua fecundidade não se esgota; o que fazia ontem, fá-lo hoje; é a mesma acção que se aplica a todos os momentos por efeitos sempre novos e manifestar-se-á assim eternamente.

Nenhum comentário:

Compartilhe



Postagens populares

Google Plus


Google+
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...