Pesquisar este blog

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Escolas devem transmitir verdadeiros valores, enfatiza Bento XVI

Nicole Melhado
Da Redação CN


O Papa Bento XVI recebeu em Castel Gandolfo os bispos de Bombay, Nagpur, Goa e Damão, Gandhinagar e Bangalore
Toda a comunidade cristã deve se esforçar para preparar seus jovens afim de construir uma sociedade mais justa e próspera. Foi o que ressaltou o Papa Bento XVI aos bispos indianos recebidos na manhã desta quinta-feira, 8, na Sala do Consistório no Palácio Apostólico de Castel Gandolfo, em Roma.

“Ajudando a amadurecer as faculdades espirituais, intelectuais e morais de seus alunos, as escolas católicas devem continuar a desenvolver uma capacidade de julgamento e apresentá-los à herança legada a eles por gerações anteriores, promovendo assim um senso de valores e preparando os seus alunos para uma vida feliz e produtiva (cf. Gravissimum Educationis, 5)”, salientou o Papa.

.: NA ÍNTEGRA: Discurso do Papa aos bispos indianos sobre educação

O Pontífice encorajou os bispos a continuar dando atenção para a qualidade do ensino nas escolas presentes em suas dioceses, para garantir que elas sejam genuinamente católicas e, portanto, "capazes de transmitir as verdades e os valores necessários para a salvação das almas e a edificação da sociedade".

"A capacidade de apresentar a verdade delicadamente, mas com firmeza, é um dom a ser alimentado especialmente entre aqueles que ensinam nas instituições católicas de ensino superior e aqueles que estão encarregados da tarefa eclesial de educar os seminaristas, religiosas ou os fiéis leigos, seja na teologia, na catequese ou no estudo da espiritualidade cristã”, disse o Papa ao grupo de bispos das províncias de Bombay, Nagpur, Goa e Damão, Gandhinagar e Bangalore em visita ad Limina Apostolorum.

O Santo Padre reforçou que aqueles que ensinam em nome da Igreja têm a obrigação de transmitir fielmente a riqueza da tradição, de acordo com o Magistério e de uma forma que responde às necessidades atuais, enquanto os alunos têm o direito de receber a plenitude da herança intelectual e espiritual da Igreja.


Testemunho cotidiano
O verdadeiro testemunho do amor de Deus é transmitido no cotidiano, salientou o Papa, assim, todos os membros da Igreja devem oferecer um testemunho cristão sólido no que diz respeito à amizade e ao amor, oferecendo o dom da salvação.

"Um papel importante do testemunho de Jesus Cristo é realizado em seu país por homens e mulheres religiosos, que muitas vezes são os heróis anônimos da vitalidade da Igreja local. Acima e além de suas fadigas apostólicas, no entanto, os religiosos e a vida deles levam uma fonte de fecundidade espiritual para toda a comunidade cristã", destacou Bento XVI.

Nenhum comentário:

Postagens populares

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...